Previous
Next
Associação de Editoras Universitárias da América Latina e do Caribe
Boletim da EULAC

Vol. 4 | Abril 2021

«Compartilhando nosso conhecimento com o mundo»
EULAC está integrada por:
ABEU, Red Nacional Altexto, ASEUC, REDUCH, REUN,
REUP, REUDE, SEDUCA, EU PERÚ y EDUPUC.

A primavera dos libros

Camilo Ayala Ochoa

Em 2010, Sergio Pitol apresentou uma autobiografia não convencional que anunciou que seria seu último livro. Pitol estava lutando contra uma afasia progressiva que o fez perder a linguagem e tinham que ler para ele. Pitol nos conta que foi criado pela avó em uma casa abarrotada de livros. Sucessivamente morreram seu pai, sua mãe e sua irmã; e dos cinco aos 12 anos, ele não podia sair às ruas devido às sequelas da malária em sua saúde. Ele passou aqueles anos lendo e continuou sua vida satisfazendo aquela fome inesgotável de leitura. Em várias ocasiões, ele declarou que a literatura salvou sua vida, como poderia salvar o México. Essa foi a mensagem de Sergio Pitol: diante da morte, a leitura e a escrita.

Certamente, a história do livro é uma história do medo da morte. Escritores, impressores, editores, livreiros e bibliotecários têm procurado transcender, deixar uma marca na vida de outras pessoas. Livros são legados e têm sido desde que foram sustentados por pedras. Além disso, são uma alternativa à morte, uma jornada em busca de sentido, uma razão de vida.

Lançamentos e recomendações

Kenya Bello y Marina Garone Gravier (coords.)
Patricia Erazo Ortega, Carlos Corrales Gaitero
Emma Barrios Ipenza, Emmanuelle Gutiérrez y Restrepo, Manuella Kadar y Elsa Marcelino-Jesus

Das redes

Liderança na Rede Nacional Altexto é renovada

A Dra. Elba Sánchez Rolón, chefe do Programa Editorial da Universidade de Guanajuato, é a atual Coordenadora da Rede Nacional Altexto, associação de editoras universitárias do México e o mais importante grupo de trabalho sobre publicações acadêmicas daquele país, em substituição à Prof. Martha Esparza.

Com o Plano de Trabalho e a proposta da Mesa Diretora, a Dra. Sánchez Rolón busca dar continuidade à revisão dos grupos de trabalho, para os quais se expõe a constituição de novas comissões que tratem de temas estratégicos e onde a trajetória e conhecimento de mais membros da Rede podem se juntar para enfrentar desafios comuns.

Pandemia e memória coletiva

Um ano após o início do confinamento devido à crise de saúde do COVID-19, de nossa passagem pela inquietação, ansiedade, medo e saudade, várias editoras universitárias da América Latina convidaram leitores, autores, comunidades universitárias e artistas a compartilharem suas experiências por meio da escrita para criar memórias coletivas, espaços de expressão e reflexão, registros de vivências e aprendizados que essa nova e complexa realidade nos deixou.

Aqui estão alguns deles:

Mini-ficções do confinamento

Histórias confinadas

Pensando na educação em tempos de pandemia II

Diário da Pandemia

Chunche

Costa Rica

Um substituto para quase tudo o que foi criado, o chunche é uma carta selvagem para compensar as deficiências da linguagem, que não são nossas, escusado será dizer. É metonímia e sinédoque, um recipiente para o que é e o que poderia ser. Qualquer objeto pode ser um chunche, mas suas dimensões mantêm certas proporções: uma montanha não é um chunche, embora um avião possa ser um chunchote, da mesma forma que um pin pode ser um chunchito. O chunche é próximo, quente, tem aquela característica do costarriquenho que o torna acessível; é o senhor e mestre do espanhol costarriquenho.

Compartir este contenido
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email
  • ¡Únete a la comunidad de editoriales universitarias más grande de América Latina y El Caribe!

    Un espacio para crear alianzas, promover el conocimiento y alcanzar nuevas audiencias.