Associação de Editoras Universitárias da América Latina e do Caribe
Boletim da EULAC

Ano 2024, Vol. 32, Maio

«Compartilhando nosso conhecimento com o mundo»
A EULAC está integrada por:
ABEU, Red Nacional Altexto, ASEUC, REDUCH, REUN,
REUP, REUDE, SEDUCA, EU PERÚ, EDUPUC e Ex-Libris.

Tradução espanhol-português: Ramón Cristiano Bonifacio.

Um terço das línguas indígenas da América Latina e do Caribe estão em perigo de desaparecer

Em média, a cada duas semanas morre uma língua no mundo e com ela o pensamento, a cultura e uma forma de entender o mundo. Na América Latina e no Caribe vivem 58,2 milhões de pessoas indígenas que falam ao redor de 550 línguas originárias, das quais, uma terceira parte está severamente ameaçada e em risco de desaparição.

Prêmio de Literaturas Indígenas da América 2024

Com o objetivo de reconhecer e estimular a criação literária, a Universidade de Guadalajara convida escritores de povos indígenas de todo o continente americano que tenham obras inéditas no gênero de poesia escrita, para participarem da edição 2024 do PLIA.

Agenda

6º Seminário Brasileiro de Edição Universitária e Acadêmica

20 al 24 de maio

Feira do Livro de Madri

31 de maio al 16 de junho

Encontro de Editores, Livreiros, Distribuidores e Gráficos

5 a 7 de junho

Leer Iberoamérica Lee

4 a 6 de junho

As línguas originárias e a edição acadêmica

Durante anos, as instituições de ensino superior latino-americanas e suas coleções editoriais demonstraram interesse e realizaram avanços acadêmicos significativos ligados às línguas nativas e aos seus protagonistas, seja promovendo atividades de divulgação, pesquisa e formação, seja publicando dicionários bilíngues, estudos linguísticos poesia, ensaios, entre outros.

Recomendações editoriais

Farmacognosia

Receituário ancestral ilustrado

As primeiras estórias de Guimarães Rosa

No meio de duas línguas

Falo do Puel Mapu e da história da minha família, que é a história de muitas famílias e que explica a perda do nosso idioma como primeira língua, na maioria da minha geração. Falo de uma língua milenária […] Estou falando sobre o que perdemos. Todos. Todos nós que nascemos sem saber o nome de cada planta, de cada pedra e de cada pássaro desta terra…

Sonoridades

Diálogos EDUFBA

«O que comunica a arte indígena?»

Neste episódio de Diálogos, podcast da Editora EDUFBA, a antropóloga Alicia Costa e Ísis Brandão, mulher Pataxó, cientista social e educadora, discutem a arte indígena em seu papel educativo, comunicativo e cultural, bem como as possibilidades de intercâmbio cultural e autonomia oferecidas pelo etnoturismo.

Apresentado por: Samantha Freire.

Página Maestra

«Conversaremos, anciana, anciano, queridos»

Página Maestra é um programa da Editorial UDG do México, realizado em colaboração com a Rádio UDG, dirigido a quem está sempre ansioso por aprender algo novo através de conteúdos atuais e inovadores. No seu episódio mais recente, Liliana Ancalo, poetisa mapuche, nos fala desta obra de beleza inigualável e sonoridade surpreendente que apela à memória para combater o esquecimento.

Apresentado por: Juan Romo.

Assinar o boletim

Para receber a boletim diretamente em sua caixa de entrada, por favor, preencha este formulário.

Créditos fotográficos:
Lysander Yuen, Eric Rothermel e Amr Taha™,
publicadas no Unsplash.
Luis Alexander Hernandez.
«La visión de ‘Tatutsi Xuweri Timaiweme’»
de José Benítez Sánchez, parte del acervo del INAH.
Bandera Mapuche, publicada no meer.com.

Compartir este contenido
Facebook
X
LinkedIn
WhatsApp
Email